Pluralidade e Pensamento Sistêmico em Projetos de Telecomunicações

Cite

APA

Loural, C. de A., Menezes, E., Holanda, G. M. de., Martins, R. B. (2005). Pluralidade e Pensamento Sistêmico em Projetos de Telecomunicações. RAE - eletrônica, 4(2).

ABNT

LOURAL, C. de A.; MENEZES, E.; HOLANDA, G. M. de.; MARTINS, R. B. Pluralidade e Pensamento Sistêmico em Projetos de Telecomunicações. RAE - eletrônica, v. 4, n. 2, julho-dezembro, 2005.

Cláudio de Almeida Loural - Outros artigos deste autor
Esther Menezes - Outros artigos deste autor
Giovanni Moura de Holanda - Outros artigos deste autor
Ricardo Benneton Martins - Outros artigos deste autor

À medida que aumentam as necessidades de comunicação da sociedade e as relações entre os agentes do mercado se tornam cada vez mais complexas, o planejamento de novos bens ou serviços de telecomunicações requer a adoção de paradigmas sintonizados com o cenário que se delineia. A orientação que tradicionalmente baliza a concepção de novos projetos nesse setor expande-se de um foco técnico-econômico para um panorama que inclua as dimensões sociocultural e político-reguladora. O presente artigo discorre sobre o papel que um paradigma holístico, caracterizado por uma abordagem sistêmica e por uma visão pluralista, desempenha na concepção e na análise de viabilidade de projetos inovadores em telecomunicações, integrando as vertentes sociotécnica e técnico-econômica de análise. A reflexão aqui conduzida busca destacar a importância que o pensamento sistêmico, conjugado com abordagens de cunho qualitativo e que adotam múltiplas perspectivas, exerce em um contexto de análise ex ante de projetos de natureza complexa.

As societal needs for communications increase and relations between market agents become more and more complex, planning of new products and services in the telecommunications sector requires the adoption of paradigms tuned to the new scenario. The orientation that traditionally framed project conception in this sector now expands from a techno-economical focus to one that includes the socio-cultural and political-regulatory dimensions. The present article discusses the role that a holistic paradigm, characterized by a systemic approach and a pluralist vision, plays in the conception and viability analysis of innovative telecommunication projects, comprising both the socio-technical and the techno-economical views. The reflection undertaken here aims to point out the importance that systems thinking, allied to multiple perspectives qualitative approaches, exerts in a context of ex ante analysis of projects of this nature.

Pensamento sistêmico, planejamento, projetos de telecomunicações.
Systemic thinking, planning, telecommunication projects.

Envie seu comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede