Soft Systems Methodology: uma Aplicação no "pão dos Pobres" de Porto Alegre

Citar

APA

Bellini, C. G. P., Borenstein, D., Rech, I. (2004). Soft Systems Methodology: uma Aplicação no "pão dos Pobres" de Porto Alegre. RAE - eletrônica, 3(1).

ABNT

BELLINI, C. G. P.; BORENSTEIN, D.; RECH, I. Soft Systems Methodology: uma Aplicação no "pão dos Pobres" de Porto Alegre. RAE - eletrônica, v. 3, n. 1, janeiro-junho, 2004.

Carlo Gabriel Porto Bellini - UFRGS - Outros artigos deste autor
Denis Borenstein - UFRGS - Outros artigos deste autor

O artigo apresenta uma aplicação da Soft Systems Methodology (SSM) na entidade filantrópica porto-alegrense Pão dos Pobres de Santo Antônio, que presta assistência a meninos carentes. Busca-se divulgar no contexto nacional a SSM como metodologia para o tratamento de problemas complexos, bem como incentivar a interação de acadêmicos e empresários com setores comunitários especialmente necessitados. A aplicação da SSM resultou positiva para a entidade e para os pesquisadores: permitiu se estabelecer uma visão global e sistêmica da realidade do Pão dos Pobres, sugeriu alternativas para o enfrentamento de situações problemáticas nela identificadas, serviu de meio para os autores conhecerem aspectos da vida comunitária e promoveu cooperação e aprendizagem entre as pessoas envolvidas no estudo - um dos benefícios mais documentados na literatura como resultantes da aplicação da metodologia.

The paper introduces an application of the Soft Systems Methodology (SSM) in the charity organization Pão dos Pobres de Santo Antônio, located in Porto Alegre, Brazil, which assists boys living under intensive social privation. The aim is to divulge for the Brazilian audience a methodology for studying complex settings, and to foster the interaction of academicians and practitioners with community groups facing special needs. Implementing the SSM was interesting for both organization and researchers: it supported a global and systemic understanding about the charity to mature, suggested alternatives for dealing with issues in it, granted the authors access to blurred facets of their community, and nourished cooperation and learning of all stakeholders - notably one of the most reported benefits as resulting from the methodology.

Soft Systems Methodology, sistemas complexos, pensamento sistêmico, aprendizagem, filantropia
Soft Systems Methodology, complex systems, systems thinking, learning, philanthropy

Envie seu comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede