Liderança 360 graus

Citar

APA

Santos, A. L. dos., Wilner, A. (2019). Liderança 360 graus. GV-executivo, 18(6).

ABNT

SANTOS, A. L. dos.; WILNER, A. Liderança 360 graus. GV-executivo, v. 18, n. 6, novembro-dezembro, 2019.

Aline Lilian dos Santos - FGV EAESP - Outros artigos deste autor
Adriana Wilner - FGV EAESP - Outros artigos deste autor

Growth and comfort do not coexist. A frase, em inglês, está escrita na parede da sede da International Business Machines Corporation (IBM) para a América Latina, em um moderno prédio da Avenida Juscelino Kubitschek, em São Paulo. De autoria da chief executive officer (CEO) mundial da empresa, Ginni Rometty, a afirmação de que não é possível ficar em uma posição confortável para conseguir crescimento ilustra os desafios de quem atua no mercado de tecnologia.  

Primeira mulher a liderar a operação na América Latina, Ana Paula Assis está na IBM há 24 anos, desde que conseguiu entrar em um programa de estágio da companhia em sua cidade natal, Goiânia. Ter construído carreira na mesma empresa, no entanto, não foi nada monótono. A executiva viveu enormes transformações ao longo de sua trajetória profissional, como a IBM passar de uma empresa de infraestrutura e hardware para um negócio de serviços e software, inserindo-se em mercados como o de computadores pessoais e, mais recentemente, despontando em inteligência artificial, blockchain e quantum computing. “É um constante processo de reinvenção e transformação. Na nossa indústria, não tem perdão; se você parar, vai morrer”, diz Ana Paula nesta entrevista exclusiva à GV-executivo.

Envie seu comentário

O conteúdo deste campo é privado não será exibido ao público.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede