GV-executivo, vol. 17, n. 5, setembro-outubro 2018

Editorial: 

REDES E EMARANHADOS NO MUNDO DIGITAL

 

Tal como a energia nuclear, nosso mundo em redes traz muitos aspectos positivos e outros nem tanto. Se, de um lado, as redes podem permitir a circulação em tempo real de notícias; de outro, as mídias sociais têm sido questionadas quanto ao seu potencial destruidor da vida democrática, como destacou Carlos Eduardo Lins da Silva, em artigo para o jornal Valor Econômico.

 

O clássico livro de Marshall McLuhan, Os meios de comunicação como extensões do homem, de 1964, já afirmava que “o homem modifica e é modificado pela tecnologia” e previa que o mundo se tornaria uma “aldeia global”. A sociedade em rede, assim denominada por Manuel Castells em 1999, promove novos desafios para as organizações. Fake news, comunicações hipersegmentadas, processos mais dialógicos, questões culturais, provisão e rapidez na circulação de informações são aspectos que cercam a comunicação hoje, além dos já propagados algoritmos e da necessária capacidade analítica de big data. Os profissionais de comunicação e marketing precisam lidar, dentro e fora das empresas, com novas demandas e com o gerenciamento das redes sociais, conforme aponta o European Communication Monitor, publicado pelo grupo Quadriga Media Berlin.

A GV-executivo apresenta, no Caderno Especial, algumas questões que a comunicação em redes sociais impõe no ambiente organizacional atual: Adriana Wilner, Tania Pereira Christopoulos e Mário Aquino Alves discutem como, com as redes sociais, o controle de funcionários extrapola o ambiente de trabalho; Felipe Bogéa mostra como delinear uma estratégia de marketing consistente para as mídias sociais; Guilherme Liberali apresenta novas tecnologias que permitem personalizar ainda mais os websites; Izidoro Blikstein, Manoel Fernandes e Marcelo Coutinho abordam o tema das fake news no mundo corporativo; e Lucas Sciencia do Prado, Leandro Angotti Guissoni e Marco Tulio Kehdi tratam dos novos perfis e das habilidades necessários para o vendedor na era digital. Agradecemos a professora Eliane Brito, do Departamento de Mercadologia da FGV EAESP, que ajudou com sugestões de pautas e autores do Caderno Especial sobre redes digitais.

 

Destacamos também a entrevista com Sofia Esteves, fundadora e presidente do conselho do Grupo Cia de Talentos. A empresária fala sobre a importância do autoconhecimento para o sucesso profissional e as tendências do mercado de trabalho.
 

Completam esta edição os artigos de: Rodrigo Amantea, sobre organizações ambidestras; Patricia Berardi e Joana Maia Dias, sobre economia circular; e Edvalter Holz, João Lins e Diego Avancine, a respeito do mito e da realidade nas mudanças de modelos organizacionais.

 

Temos, ainda, as colunas: Economia, com Paulo Sandroni, que argumenta como o imposto sobre fortunas pode ser positivo mesmo para os mais ricos; Fora da Caixa, com Samy Dana, acerca de como se consome para fazer amigos; Sociedade e Gestão, a respeito das eleições de 2018, com Marco Antonio Carvalho Teixeira; e Supply Chain, de Cristiane Biazzin e Priscila Miguel, com um tema que ganha espaço nacional e internacional: a presença de mulheres empreendedoras na cadeia de suprimentos.

 

Boa leitura!

Maria José Tonelli – Editora chefe

Adriana Wilner – Editora adjunta

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede