Cidades do conhecimento: uma taxonomia para analisar clusters de software e serviços

Knowledge cities: a taxonomy for analyzing software and information service clusters
Ciudades del conocimiento: una taxonomía para analizar clúster de software y servicios
Cite

APA

Tigre, P. B., Rovere, R. L. L., Teixeira, F. L., López, A., Ramos, D., Bercovich, N., Pinheiro, A. de O. M., Araújo, S., Rodrigues, R. F. (2011). Cidades do conhecimento: uma taxonomia para analisar clusters de software e serviços. RAE-Revista de Administração de Empresas, 51(1), 15-26. http://dx.doi.org/10.1590/S0034-75902011000100003

ABNT

TIGRE, P. B.; ROVERE, R. L. L.; TEIXEIRA, F. L.; LóPEZ, A.; RAMOS, D.; BERCOVICH, N.; PINHEIRO, A. de O. M.; ARAúJO, S.; RODRIGUES, R. F. Cidades do conhecimento: uma taxonomia para analisar clusters de software e serviços. RAE-Revista de Administração de Empresas, v. 51, n. 1, jan-fev, p.15-26, 2011. http://dx.doi.org/10.1590/S0034-75902011000100003

Paulo Bastos Tigre - UFRJ/IE - Other articles of this author

A indústria de software e serviços de informação vem ganhando crescente importância no comércio internacional, graças à difusão de inovações tecnológicas combinadas a mudanças organizacionais. Em muitas regiões tal indústria é organizada em clusters apelidados de “cidades do conhecimento” em função da crescente importância de serviços intensivos em tecnologia em sua economia. Este artigo tem dois objetivos. Primeiro, ele levanta três questões chaves relativas à atratividade de diferentes cidades na Argentina e no Brasil para empresas de software e seus impactos no desenvolvimento local. Segundo, é proposta uma nova taxonomia com o objetivo de agrupar clusters de acordo com o segmento dominante de negócios, origem do capital e escopo de operações. O propósito da nova taxonomia é oferecer uma ferramenta analítica exploratória para analisar clusters de software.

Software and information services (SIS) have become a field of increasing opportunities for international trade due to the worldwide diffusion of a combination of technological and organizational innovations. In several regions, the software industry is organized in clusters, usually referred to as “knowledge cities” because of the growing importance of knowledge-intensive services in their economy. This paper has two primary objectives. First, it raises three major questions related to the attractiveness of different cities in Argentina and Brazil for hosting software companies and to their impact on local development. Second, a new taxonomy is proposed for grouping clusters according to their dominant business segment, ownership pattern and scope of operations. The purpose of this taxonomy is to encourage further studies and provide an exploratory analytical tool for analyzing software clusters.

Clusters de software e serviços da informação, cidades do conhecimento, Brasil, Argentina, políticas industriais e tecnológicas.
Software and information service clusters, knowledge cities, Brazil, Argentina, industrial and technology policies.
Num. Páginas: 
15-26

Post new comment

The content of this field is kept private and will not be shown publicly.
To prevent automated spam submissions leave this field empty.

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede