GV-executivo, vol. 19, n. 5, setembro-outubro 2020

Editorial: 

Novos rumos

 

Passados vários meses de pandemia, continuamos a monitorar e a avaliar seus impactos na economia, nos negócios e na gestão. Desemprego, home office, síndrome de burnout, mudanças no comportamento do consumidor são alguns dos fenômenos que ocupam o noticiário e impactam significativamente o trabalho e o cotidiano de muitos profissionais.

 

Nas últimas edições da GV-executivo temos abordado essas questões, já que se trata de um fato social total, na visão do sociólogo Marcel Mauss, ou seja, um acontecimento que provoca radicais transformações em diferentes frentes: na economia, na política, na família, nos indivíduos, visto que as esferas da vida social e da vida privada estão profundamente conectadas. Essa perspectiva foi proposta por Mauss ainda nos anos 1960, mas, no momento em que vivemos, tais efeitos são amplificados pela globalização, e os desafios para avançar em uma sustentabilidade planetária se tornaram imensos.

 

Uma área que tem sido muito afetada é a circulação de mercadorias no mundo. Assim, esta edição da GV-executivo traz um especial sobre o tema e discute vários aspectos da gestão das cadeias produtivas das organizações. Os artigos tratam de pontos como: de que forma lidar com fornecedores durante a pandemia, de Vanessa Paiva e Priscila Laczynski de Souza Miguel; como as empresas podem avaliar o nível de integração nas cadeias produtivas, de Luiza Vida e Luciana Hashiba; quais são as rotas possíveis para o transporte e a logística em meio à crise, de Fabio Medrano Siccherino e Manoel de Andrade e Silva Reis; o descompasso entre as demandas por sustentabilidade e as reais políticas de compra, de Adriana Padua Ferreira e Cristiane Biazzin; o que vale mais a pena nesse momento, internalizar ou terceirizar processos, de Tania Heck e Luciana Vieira; e, finalmente, como delinear um sistema de produção baseado em uma lógica ágil, competitiva e ancorada na demanda real, de Luis Henrique Rigato Vasconcellos e Henrique Varela Fonseca.

 

Além dos artigos do núcleo especial, compõem esta edição o artigo de Luis Bussmann sobre como faz parte do dia a dia das startups compartilhar ideias; o trabalho de Guilherme Susteras a respeito das dificuldades de se montar um negócio convincente; e a contribuição de Marcos Fava Neves e Allan Wayne Gray acerca de como planejar e executar a gestão estratégica com simplicidade. Também apresentamos nossas tradicionais colunas: em Sociedade e Gestão, Sérgio Amad Costa discute a viabilidade do home office e do modelo de trabalho híbrido nas empresas; em Economia, Paulo Sandroni coloca em pauta o risco da

volta da inflação e suas consequências; em Finanças, Rafael Schiozer trata do risco ambiental no setor financeiro; e em Marketing, Tânia Veludo-de-Oliveira aborda as mudanças comportamentais do consumidor na pandemia.

 

Destacamos, finalmente, a rica entrevista com Glaucimar Peticov, diretora executiva do Bradesco, que conduziu mudanças importantes e aceleradas para o home office de milhares de funcionários do banco.

 

Aproveitem a leitura!

 

Maria José Tonelli – Editora chefe

 

Adriana Wilner – Editora adjunta

 

Portal FGVENG

Escolas FGV

Acompanhe na rede