Rastreamento de similaridades

Após a Avaliação de Formato, o texto passa por um processo automático de rastreamento de similaridades realizado por uma plataforma internacional que efetua uma busca abrangente em bases de dados de periódicos, em acesso aberto e restrito.

O relatório de similaridades de cada texto é avaliado de modo individual, caso a caso, pois a ferramenta identifica as semelhanças entre um texto submetido e outros já publicados, mas não distingue conteúdo textual, podendo, por exemplo, indicar citações devidamente identificadas. Além disso, o software não consegue apontar ideias similares que providencialmente tenham sido publicadas com uso de diferentes palavras, ou mesmo não identifica autoplágio, apesar de sempre informar a fonte na qual identificou similaridades, dentre outras situações. As ferramentas de identificação de similaridades são essenciais no processo de preservação da originalidade e autoria dos textos, porém, por ora, cabe exclusivamente à equipe editorial uma avaliação mais profunda a fim de assegurar integridade aos direitos de autor.

Após cuidadosa avaliação do relatório de similaridades encontradas no texto, o autor é notificado pela RAE e, dependendo do grau de semelhanças e de sua origem, o trabalho pode ser rejeitado ou o autor é convidado a se manifestar ou proceder as correções e alterações no texto.  

17/08/2015 - 21:28

                                                                                                                                                                 

Educação Executiva Presencial, Customizada e a Distância

                                                                                                                                                70 Anos FGV            FGV Notícias         FGV News