RAE-Revista de Administração de Empresas, vol. 51, n. 5, set-out 2011

Editorial: 

Mais uma vez, a RAE publica, em regime de fast-track, artigos selecionados entre os melhores apresentados em 2010 no Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração (EnANPAD). Recebemos 10 artigos nesse processo, incluindo dois que haviam sido premiados em suas respectivas divisões, produzidos por 27 autores de 10 instituições e sete estados diferentes, demonstrando grande representatividade regional nas submissões. Além disso, os artigos eram de oito das 11 divisões da ANPAD, apresentando, também, grande diversidade de temas.

Para chegarmos aos três que foram aprovados para publicação nesta edição da RAE, contamos com a colaboração inestimável de nove editores científicos de oito instituições localizadas em seis estados, e de 16 avaliadores de 13 instituições em oito estados. Além da diversidade regional, esses editores científicos e avaliadores têm grande representatividade na área, pois, entre esses 25 colaboradores, 10 são coordenadores de divisão, fazem parte de comitê científico ou são líderes de temas na ANPAD. Ou seja, os artigos publicados foram selecionados por um time bastante experiente e diversificado de avaliadores, consolidando a posição da RAE como periódico representativo do que há de melhor na produção acadêmica brasileira na área de Administração.

O prazo médio em que os 10 artigos ficaram em processo de avaliação foi de 177 dias, um tempo bastante reduzido, principalmente se for considerado que, entre os três artigos publicados, dois foram aprovados na sua terceira versão e um, na segunda versão. Isso demonstra que a RAE, além de manter um processo ágil, também prima pelo rigor, pois todos os artigos publicados foram refinados para atingir um alto padrão de qualidade, com o qual ganham todos, autores e leitores. É claro que os méritos pelo sucesso desse processo devem ser compartilhados com autores, avaliadores e editores científicos, que contribuíram respondendo rapidamente às demandas exigidas em cada rodada de melhoria dos artigos.

Resultaram desse fast-track os artigos: “Burocracia como organização, poder e controle”, que analisa a forma como Maurício Tragtenberg e Fernando Cláudio Prestes Motta concebem a burocracia; “Impacto dos investimentos em TI no resultado operacional dos bancos brasileiros”, que apresenta um estudo quantitativo sobre a relação entre investimentos em TI e o resultado operacional de bancos no Brasil; e “Desafios para a coordenação intergovernamental do Programa Bolsa Família”, que investiga o complexo processo de coordenação intergovernamental do Programa Bolsa Família.

Esta edição publica, ainda, os artigos: “El rol de la usabilidad percibida sobre la confianza en las subastas online”, um artigo de autores da Universidad de Chile que estuda a usabilidade e a confiança em leilões pela internet na América Latina; “Análise do retorno dos investimentos socioambientais das empresas brasileiras”, que usa modelos econométricos para investigar a relação entre os investimentos socioambientais e o desempenho financeiro de empresas brasileiras; e “Cor ou escolaridade de personagens de propaganda? Preferências entre universitários”, que identifica reações à propaganda em relação a preconceito de cor, status econômico ou classe social.

Completam a edição a resenha sobre o livro Diversidade sexual no trabalho e indicações bibliográficas sobre os temas Reconhecimento Social e Teoria das Restrições.

Tenham todos uma boa leitura!
 

Eduardo Diniz
Editor chefe

              Apoio à RAE-Revista de Administração de Empresas:

                                                                                                                                                                 

Educação Executiva Presencial, Customizada e a Distância

                                                                                                                                                70 Anos FGV            FGV Notícias         FGV News